Prática de esportes, alimentação equilibrada e sono regular são alguns dos hábitos que  fazem parte do consciente coletivo do que é levar uma vida saudável. Todo mundo conhece essas regrinhas, mas pouca gente cumpre. Para ir pelo caminho mais cômodo, tem aqueles que acabam se apoiando no caso do conhecido que fumou e bebeu a vida inteira, nunca praticou esportes e já passou dos oitenta anos. Mas não vamos nos guiar por exceções, ok?

A "Face's Health", uma publicação da editora Facebook, lançou uma edição justamente sobre "hábitos saudáveis". Porém, o tema central da revista foi a saúde da sua Fan Page (#1deabril :P). Confira a capa:



A edição online lançada no dia 11 de maio de 2011 é gratuita e está disponível no link: https://www.facebook.com/promotions_guidelines.php. Em resumo, a publicação nos faz refletir sobre o que é uma rotina saudável para a nossa Fan Page com base em oito regras. A partir dessas regras, resumimos uma lista de hábitos que estão PROIBIDOS e podem fazer mal a vitalidade da sua página no Facebook (você vai ficar surpreso com muitos dos itens):

  • - Sortear um prêmio entre aqueles que comentarem em uma foto da sua Fan Page.
  • - Pedir para "Curtir" ou "Compartilhar" uma foto da sua fan page para concorrer a algum prêmio.
  • - Premiar a frase mais criativa que os seus fãs postarem na sua fan page.
  • - Informar que quando a foto chegar em X likes,você vai sortear um brinde.
  • - Solicitar para seus fãs pegarem uma determinada foto na sua página e uploadear no profile deles para concorrer a promoção.
  • - Fazer uma pergunta no mural, e premiar o primeiro que responder corretamente.
  • - Dar um prêmio para o comentário ou a foto mais curtida da sua Fan Page.
  • - Informar quem são os vencedores da sua promoção através de recursos do Facebook (post na Fan Page, mensagem para o usuário...)
  • - Exigir o Curtir da sua página para quem quiser participar da promoção.
  • - ...
O que você precisa saber é: para evitar problemas com a sua Fan Page não faça qualquer promoção em que o participante precise utilizar as funcionalidades do Facebook no mural (curtir, comentar, postar foto, mencionar, confirmar evento...). A regra número um resume tudo: "Promoções devem ser administradas com Apps no Facebook", ou seja, você deve utilizar aquelas famosas aplicações de terceiros (Sortei.me, Wildfire, Easypromo...) para ficar em paz e ser feliz.



Se você não sabia disso, fique atento. O Ministério da Fan Page adverte: promoções fora das "regras" podem acarretar na suspensão ou até remoção da sua Fan Page. Trágico, né? Pois, é. Apesar da última revisão das guidelines estar perto de completar um ano, tem muita gente que desconhece as regrinhas de Zuckeberg. Além do desconhecimento de alguns, a redação das regras não é muito clara: navegando na net, é possível encontrar muitas dúvidas em fóruns e blogs sobre o que pode e o que não pode. 


Para entender melhor cada uma das regras, veja a apresentação abaixo da Kátia Furtado no Social Media Week. Apesar de não ter áudio, os slides já ajudam muito, pois possuem comentários sobre as regras e cases para exemplificar.

Depois de ler as guidelines em inglês, português ou grego, e ver a apresentação acima, é normal que você chegue até aqui e ainda tenha dúvidas sobre algumas regras. Fique calmo: você não é o único. Como eu disse anteriormente, as regras foram mal escritas. Para "a nossa alegria" (eu precisava usar isso no texto), aglutinei alguma dessas dúvidas abaixo:


"A Regra 4 abre brechas para a Regra 3?"

Recapitulando, rapidamente, o que fala a regra três e a regra quatro... A regra três diz que "você não pode utilizar as funcionalidades do facebook como mecanismo de registro". Já a regra quatro diz que "Você não pode condicionar o registro do usuário a qualquer outro recurso do Facebook que não seja curtir uma pagina, fazer check-in, ou conectar ao seu aplicativo".

Ao ler os guidelines e ver a apresentação, essa foi a primeira pergunta que eu fiz: "afinal, pode ou não pode utilizar as funcionalidades do Facebook?" E não foi só eu: encontrei essa dúvida por vários outros blogs. A regra três é tão enfática e concisa... mas ai vem a regra quatro e passa uma rasteira na minha compreensão. O Facebook dificultou na explicação textual, mas, em dezembro de 2011, ele compensou e publicou esse vídeo que esclarece a dúvida:


  
A garota explica que você não pode fazer algo do tipo: "Curta a nossa página e concorra a uma viagem para Cancún", mas "eles permitem" (ui) uma promoção restrita apenas aos seus fãs. Parece a mesma coisa para você?

Toda a diferença está na forma como é comunicado. Na prática, não há muita divergência entre os dois cenários, em ambos os casos o participante tem que Curtir para participar. Mas, no segundo cenário, não existe a exigência do Like explicitamente. A preocupação do Facebook é tentar se proteger de possíveis cobranças jurídicas sobre promoções de terceiros. Portanto, não exija o Like.


"Posso exigir o curtir da Fan Page no meu blog/site?"

A gente vê, frequentemente, em posts de promoções em blogs: "para concorrer, você deve curtir a nossa Fan Page". Então, a resposta vem como outra pergunta: só porque a exigência do Like na promoção está escrita fora do Facebook ela passa a estar de acordo com as guidelines? Para mim (e para muita gente) não. Apesar dessa prática ser comum no Brasil, encontrei muitas discussões em blogs com ponto de vista desfavorável.

Entre os diversos blogs (nacionais e de fora) que busquei informações sobre o assunto, achei uma blogueira americana (que, inclusive, faz centenas de promoções) relatando sua troca de e-mails com um gerente de contas do próprio Facebook. Na conversa, ela pergunta sobre o caso de uma promoção ter a exigência de que o usuário curta a Fan Page dela ou de quem está patrocinando a promo, a chamada "Bonus Entry". A resposta do funcionário do Facebook é clara: "Isso é contra as nossas guidelines".

Conversando com profissionais brasileiros, percebi que não existe total consenso. Mas, o seguro morreu de velho. Não é verdade? :D Por via das dúvidas, não utilize essa prática.



"Se não posso pedir o Like nem no meu blog, qual o sentido de fazer uma promoção no Facebook?"

Você tem como ganhar Likes com uma promo no Face sem exigí-los explicitamente. O caminho para esse objetivo passa por "Like Gates". Like Gates é uma estratégia utilizada para captar fãs ocultando o conteúdo em certas abas para quem não ainda não curtiu a página.

A escritora do BloggingBasics101 apresenta essa tática como uma maneira bastante sutil para "forçar" o Like na sua promoção sem exigir isso nas regras. Isso mostra que para ganhar Likes e respeitar as guidelines você não precisa explicitar o "Curtir" como um requisito prioritário da promoção.



"Criei uma aplicação e adicionei a minha Fan Page. Para contabilizar uma votação da minha promoção, posso usar o botão Curtir na aplicação?"

Você decidiu que não vai utilizar o seu mural do Facebook para fazer a promoção. Ótimo! Então, você cria uma aplicação, na qual os usuários vão votar a imagem mais bonita, por exemplo. Entretanto, para contabilizar os votos, você importa o "Like Button" do Facebook... Luz vermelha acesa: isso também está proibido! A votação não está ocorrendo no mural, mas você está usando um mecanismo do Facebook do mesmo jeito. A orientação é que você crie seu próprio mecanismo de votação: que pode ser o seu próprio botão.



"Então, vou fazer meu próprio "Curtir" na minha aplicação. Pode, né?"

"Curta o gol da seleção mais bonito e concorra a..."

Como eu disse, você precisa criar seu próprio mecanismo de votação. Mas esse mecanismo não pode ser um botão chamado "Curtir" com o mesmo ícone do botão do Facebook. A regra 7 fala sobre isso. Inclusive, a mesma regra aborda proibições sobre modificações no design do botão Curtir. Usar um botão "joinha" igual ao do Face, mas de outra cor, é o típico caso do "pode, mas não deve" (dica by Kátia). Para evitar problemas, é bom criar algo visualmente novo.


"Todos os dias, vejo promoções que fazem tudo isso que você disse que não pode. E, ai?"

Verdade. É tanta promoção fora das regras, que confudem qualquer um. Diversas vezes eu voltei para pesquisar enquanto escrevia esse post, pois a rotina das promos fora das regras me desnorteava. Mas as promos que vão de encontro às guidelines ocorrem porque o Facebook não tem braço para monitorar toda ação "ilegal". Muito trabalho de fiscalização ainda será automatizado, mas se as regras quebradas forem redigidas fora do Facebook (nos blogs) fica ainda mais difícil de serem rastreadas. Centenas de promoções "erradas" ainda vão passar, mas não se sabe até quando. Vai querer arriscar?

Seguir as regras é uma postura importante. Afinal, o seu cliente sabe que ele tem a possibilidade de perder a Fan Page após ou durante a promoção? Mesmo que essa possibildiade seja mínima, o cliente precisa estar ciente e de acordo. Transparência sempre! Tem cliente que até topa o risco, dependendo de como ele encara a situação e de quais são os objetivos dele na plataforma e na campanha.
 
Agora que você sabe quais são os "hábitos saudáveis", você pode segui-los ou assumir o risco e contar com a sorte, assim como faz aquele conhecido sedentário, que vira noites e não perde uma picanha com gordura. Pode ser que você (e sua Fan Page) também passe dos oitenta. Pode ser que não.

Saúde (na sua Fan Page) e paz (com seu cliente), os fãs a gente corre atrás. 

3 Responses so far.

  1. Muito legal o artigo =)
    E agradeço a menção a minha apresentação!
    Só um comentário: ao meu ver, interpretando ao pé da letra as regras, pode sim condicionar uma pessoa a dar LIKE na sua página para participar de uma promoção. A regra 4 deixa bem claro que vc não pode condicionar a entrada em uma promoção a nenhuma funcionalidade do FB *que não seja*: curtir uma página, dar check in em um lugar ou conectar com seu aplicativo. Sendo assim, a resposta é: sim, vc pode obrigar alguém a curtir sua página para participar da promoção. ;)

  2. Oi, Kátia. É bom vê-la por aqui. =D

    Sobre a regra 3 e 4, eu "percebi que não existe total consenso" no mercado. Porém, depois de ver o video (que está no post) e ler o blog da Leslie, eu me sinto mais "saudável" com os Like Gates: é uma forma de exigir o Like sem ter essa obrigação explicitada. O Like Gate seria o jeitinho brasileiro. :P

  3. Parabéns Raoni, pela iniciativa de "decodificar" as regras das fan pages para nós...
    Aproveito para convidar o motorista e todos os passageiros para conhecer o http://mairrome.com/ ... uma iniciativa inovadora que promete dividir parte dos lucros do site com os próprios cadastrados no site...
    Vale a pena conferir! :)
    Abraço e sucesso!

Deixe um Comentário: